28/02/14

Tentáculos de pota no forno


Nunca vos aconteceu tirar uma coisa do congelador e no fim de descongelar verificar que era outra? Pois bem, foi o que me aconteceu: "olha polvo, vou tirar para fazer um arroz", pensei eu.
Pois, enganei-me e afinal eram tentáculos de pota. Bem, resolvi a situação de outra maneira. Fiz no forno, com batatas.


Ingredientes:
- 1 embalagem de tentáculos de pota congelados
- 4 dentes de alho grandes
- Batatas para cozer
- Piri-piri moído Suldouro q.b.
- Sal e mistura de 5 pimentas espiga q.b.
- Azeite Seleção azeitonas maduras Oliveira da Serra q.b.


Preparação:

Coza os tentáculos de pota em água com um pouco de sal e uma cebola inteira, na panela de pressão, cerca de 20 minutos (após o pipo começar a rodar).
Descasque as batatas, parta-as em quartos e coza-as em água temperada com sal.Transfira depois os tentáculos para um recipiente que possa ir ao forno e acrescente do dentes de alho laminados.
Escorra a água às batatas e coloque-as também no tabuleiro. Polvilhe com um pouquito de piri-piri moído e com a pimenta.
Regue generosamente com azeite.   Leve ao forno previamente aquecido a 180ºC durante 25 minutos

25/02/14

Chiffon de laranja

Boa tarde. Hoje foi dia de fazer um Chiffon de laranja cuja receita está no livro da bimby "O melhor das nossas famílias" . 
A forma que usei só podia ser da Metalúrgica e desta vez usei a forma de pão de ló com cano .
Para decorar usei além do açúcar em pó, as bonitas decorações do Multi-Deco da Vahiné





 Ingredientes:

- 400 de açúcar (340 + 60)
- 6 ovos
- 240 gramas de farinha
- 200 gramas ou 2 dl de óleo
- Sumo de 2 laranjas
- Raspa de  1 ou 2 laranjas
- 2 colheres de chá de fermento para bolos 


Preparação na Bimby:

Com o copo seco coloque 60 gramas de açúcar e pulverize na velocidade 9 durante 15 segundos. Reserve. 
Com o copo limpo, colocar a borboleta, as claras e programe 6 minutos na velocidade 3 e meio. Reserve.
Colocar no copo as gemas, os restantes ingredientes e programe 7 minutos, temperatura 37º C, velocidade 3.
Juntar a massa às claras e envolva cuidadosamente com a ajuda da espátula.
Numa forma sem ser untada , deite a massa e leve ao forno pré-aquecido a 170ºC durante cerca de 45 minutos.
Desenforme só quando estiver frio. 
Enfeite com o açúcar reservado.


Preparação tradicional:

Separar os ovos (gemas para um lado e claras para outro).
Bater muito bem as gemas com as 340 gramas de açúcar até obter creme esbranquiçado.
Juntar o óleo, o sumo e as raspas de laranja e bater novamente para misturar. Incorporar a farinha e o fermento e misturar bem. Envolver as claras em castelo.Numa forma sem ser untada , colocar a massa e levar ao forno pré-aquecido a 170ºC durante cerca de 45 minutos.
Desenformá-lo apenas quando frio e nessa altura polvilhá-lo com o açúcar em pó.






23/02/14

Bolo de laranja e coco


Bom dia. Já há muito tempo que não fazia um bolo e hoje foi dia de fazer um bolinho de laranja e coco que vi há uns tempos e que me ficou logo debaixo de olho. Uma receita da Lurdes Losquinhos.
Obrigada Lurdes.
Este bolo foi cozido numa bonita forma Trevo da Metalúrgica.
O meu bolo rachou ao meio mas o meu forno anda com a pancada. 
 



Ingredientes:

2 chávenas de farinha branca de neve
1 chávena de açúcar
1 chávena de óleo
125 g de coco
4 ovos inteiros
1 chávena de sumo de laranja
1 colher de chá de fermento em pó.




Preparação Tradicional:

Misturam-se os ovos com o açúcar e bate-se muito bem até obter uma mistura esbranquiçada.
Adiciona-se o óleo, o coco, a farinha e o fermento e continua-se a bater.
Junta-se o sumo da laranja e bate-se mais um pouco.
Leva-se ao forno pré-aquecido a 180º durante 45 minutos.




20/02/14

Sopa da pedra - Aproveitamento de cozido à portuguesa

Ontem houve Cozido à Portuguesa para o jantar, hoje houve sopa da Pedra para o almoço - mais uma comida leve. 
Fi-la para aproveitar o resto do cozido e utilizei a água de cozer as batatas, cenoura e couve, que guardei já a pensar na sopita. 
O que fiz foi levar o tacho onde tinha guardado os legumes e a água ao lume com uma cebola descascada e partida ao  meio que deixei cozer. 
Descasquei 3 batatas que parti aos pedaços e levei a cozer em água fervente com sal.
Juntei depois ao caldo dos legumes 1 lata de feijão encarnado cozido (reservei um terço  de feijão), com o liquido dele, deixei apurar um pouco e passei tudo com a varinha mágica.
Para retirar as peles de feijão que ainda ficaram, passei tudo por um passador de rede fina para outro tacho.
Tornei a levar ao lume, com um pouco de azeite, e deixei ferver um pouco.
Juntei depois ao caldo (que por acaso não necessitou nem de mais água nem de sal, mas podia ter precisado), as carnes cortadas em pedaços, os pedaços de  batatas cozidas, os enchidos e a couve partida em bocados.
Deixei levantar fervura.
E... já está. Uma bela sopita. 


Cozido à Portuguesa

Ontem para o jantar houve um cozido à Portuguesa, comidinha leve para o jantar. Eh eh. 
Ao tempo que eu não fazia um cozido, mas deram-me umas couves Pingo Doce (sim, é mesmo esse o nome e eu  não fazia ideia que existia uma couve chamada assim) e não queria deixá-las estragar.
Fui então comprar carne e lá saiu um cozido.
Como acho que um cozido é feito com aquilo que preferimos, não vou deixar  nem quantidades nem ingredientes fixos, mas sim apenas mencionar o que usei.
E sim, por menos quantidade que façamos sobra sempre muito.

 

Ingredientes: 

- Farinheira
- Chouriço de carne
- Morcela de Arroz
- Chispe
- Couve Pingo Doce
- Batatas para cozer
- Cenouras
- Carne de vaca para cozer
- Entremeada alta
- Sal, q.b.

Preparação: 

Arranje as carnes e leve-as a cozer na panela de pressão em água temperada com sal. Tape, coloque o pipo e quando este começar a rodar deixe cozinhar cerca de 30 minutos (vai depender da quantidade de carne que usar).
Descasque as batatas e as cenouras. Parta-as as batatas ao meio no sentido longitudinal e as cenouras no mesmo sentido em 4 pedaços. Arranje as couves e reserve.
Leve a cozer num tacho com água fervente temperada com sal. Quando estiverem praticamente cozidas junte a couve e tape o tacho. Deixe-as cozer. 
Leve os enchidos a cozer num tacho com água e sal.
No fim da carne cozida, abra a panela, retire as carnes e aproveite a água para fazer um arroz branco nela. Rectifique o sal.
Quando os enchidos estiverem cozidos, parta-os em pedaços de tamanho a gosto. 
Disponha as carnes e os enchidos num prato grande. 

























Escorra a água das batatas, cenouras e couve e coloque noutro recipiente.

Sirva tudo acompanhado pelo arroz.


Bom apetite!!

Cuidar da Casa - Filipa Brandão Mira

Olá a todos. 
Cá estou eu novamente a divulgar um livro da Esfera dos Livros .

Este domingo, pelas 11h30, Filipa Brandão Mira vai estar no Continente do Oeiras Parque para o workshop Cuidar da Casa.



Se quiser falar com a autora sobre estes truques de limpeza que vão deixar a sua casa num “brinco” apenas terá que me contactar a D. Margarida Damião



Sinopse:

"A sua casa merece ser cuidada. Filipa Brandão Mira vai ensinar-lhe todos os truques que você precisa de saber para não perder demasiado tempo nas tarefas domésticas, nem gastar muito dinheiro. Divisão a divisão, a autora dá-lhe conselhos de limpeza para todos os tipos de pavimento, da madeira à tijoleira, como tratar os seus móveis mais antigos, limpar pratas ou bronzes, manter os azulejos da cozinha impecáveis, uma casa de banho a brilhar, um armário sempre cheiroso e arrumado, uma roupa cuidada e sem nódoas ou um hall acolhedor.

Antes de mais precisa de saber quais os utensílios necessários para limpar e os produtos que deve utilizar. Primeira dica que vai mudar para sempre a sua vida: ter em casa, limão, bicarbonato de sódio, sal grosso e vinagre. Com estes ingredientes mágicos pode fazer os seus próprios detergentes, mais saudáveis e ecológicos. Depois é seguir os planos de limpeza que encontra neste livro e arregaçar as mangas:

- As manchas da banheira não saem? Prepare uma solução com vinagre branco quente, um punhado de sal grosso e com um pano esfregue bem sobre a sujidade. Vai ver que resulta!

- Esqueça os sabonetes nos armários para deitar cheiro. Só trazem humidade. Coloque pauzinhos de giz dentro de sacos de organza.

- Não consegue tirar calcário das suas torneiras? Use limão com vinagre impregnado em papel absorvente da cozinha e aplique diretamente. Deixe atuar 3 a 4 horas.

- Para prevenir humidades e bolor nos livros, passe pelos mesmos um pano com vinagre branco, misturado com umas gotas de essência de alfazema, lavanda e alecrim. Afugenta as traças, para além de dar bom cheiro.

- Para dar brilho ao seu chão de madeira envernizada, use uma mistura de óleo de linhaça e vinagre de vinho em partes iguais. Vai ficar um brinco!

Filipa Brandão Mira deixa-lhe ainda várias sugestões de decoração, formas de dar cor e cheiro à sua casa e de reciclagem de móveis ou objetos antigos que podem ganhar uma nova vida. Tudo se recicla. Basta vontade e imaginação."

19/02/14

Vencedor do passatempo A Metalúrgica/Bimbexpress

Bom dia. E já temos o resultado do passatempo.

Eu e a Metalúrgica chegámos a uma decisão e a vencedora é a autora da frase " : O Sorteio da Bimbexpress, é o que está a dar, com uma linda forma de A Metalúrgica, o meu amor vou agradar" . Parabéns Susana Freitas que vai receber em casa esta linda forma. 


Aguardo os dados para envio do prémio que será directamente feito pela Metalúrgica.
Obrigada a todos os que participaram e não desanimem pois em breve haverá mais oportunidades.

18/02/14

Ágata Roquette e o seu livro " As Receitas. A dieta dos 31 dias"

Boa tarde. Venho dar-vos a conhecer dois eventos a realizar em breve sobre o livro As Receitas. A dieta dos 31 dias.
No dia 22 de fevereiro, sábado, pelas 11h30, a nutricionista Ágata Roquette vai estar no Continente do Oeiras Parque para uma sessão de autógrafos a próposito do seu novo Livro As Receitas. A dieta dos 31 dias, obra que já se encontra em 2ª edição.

Está ou esteve a fazer dieta? Tem dúvidas que queira esclarecer? Não sabe que tipo de alimentação deve ter? Então, no próximo dia 1 de março, Ágata Roquette irá participar num Workshop Gratuito para o esclarecimento de dúvidas e partilha de testemunhos de quem perdeu peso. Caso queira assistir basta inscrever-se em aesferadoslivros@gmail.com






16/02/14

Passatempo encerrado

Boa tarde. PASSATEMPO ENCERRADO
Assim que possível e após conferência com A Metalúrgica anuncio o resultado quer aqui quer na página do facebook. Tivemos 21 participações válidas. 
Obrigada e boa sorte a todos.


13/02/14

Sabor-Bio

Bom dia, esta semana chegaram-me a casa uns produtos de uma nova parceria. 
A Sabor Bio aliou-se ao meu blog. 
Esta empresa está situada em Alvorninha, Caldas da Rainha, Leiria, e dedica-se à produção, transformação, comércio, importação e exportação de licores, bebidas.
Visitem a página deles no facebook para conhecerem um pouco melhor esta empresa. 


A Sabor-Bio teve a gentileza de me enviar alguns produtos os quais estou ansiosa por experimentar.












O que me mandaram:

- 1 garrafa de licor de Pêra Rocha
- 1 frasquinho de piri-piri moído
- 1 embalagem de piri-piri
- 1 embalagem de snacks de maçã  Gala
 - 1 frasco de piri-piri em aguardente


Obrigada Sabor-Bio.




11/02/14

Victoria Sandwich

E este foi um bolo que a minha irmã levou para o jantar quinzenal em casa da minha mãe e é fabuloso. 
Fiquei tão fã que tive que fazer. para fazer este bolo usei duas formas redondas da Metalúrgica





Ingredientes: 

- 225 gramas de açúcar branco
- 225 gramas de farinha sem fermento
- 225 gramas de margarina
- 4 ovos grandes
- 2 colheres de chá cheias de fermento.
- 1 lata de pêssego em calda
- 1 pacote de natas para bater
- 1 tablete de chocolate preto
- Leite q.b.
- Açúcar em pó, q.b.




Preparação Tradicional: 

Bater a margarina com o açúcar e depois adicionar os ovos um a um, batendo sempre bem.
Envolver a farinha e o fermento. 
Dividir a massa por duas formas com o fundo forrado com papel vegetal.
Coze em forno pré aquecido a 180ºC cerca de 25 minutos.
Pincelar com a calda da fruta ou com calda de açúcar simples e desenformar só quando estiver morno ou frio. Rechear com natas e fruta. Cobrir com chocolate derretido com uma noz de margarina, um golo de leite e um pouco de açúcar em pó.



Preparação Bimby:

Deitar no copo da bimby a margarina à temperatura ambiente com o açúcar e bater 5 minutos na velocidade 3.
Com a bimby ligada na mesma velocidade, adicionar pelo bocal da tampa, os ovos um a um.  
Envolver a farinha e o fermento. 
Dividir a massa por duas formas com o fundo forrado com papel vegetal.
Coze em forno pré aquecido a 180ºC cerca de 25 minutos.
Pincelar com a calda da fruta ou com calda de açúcar simples e desenformar só quando estiver morno ou frio. Rechear com natas e fruta. Cobrir com chocolate derretido com uma noz de margarina, um golo de leite e um pouco de açúcar em pó*.

* Como usei chocolate de leite pois não tinha em casa chocolate preto, não meti açúcar. Usei 1 tablete de 100 gramas, uma noz de manteiga e um golo de leite. 







Carne Guisada com esparguete na Panela de Pressão

E que bem que me soube ontem o meu jantar. Claro que dito por mim, parece suspeito, mas posso assegurar que estava mesmo delicioso.
Uma comidinha caseira, de conforto, como se chama agora, confeccionada na velha amiga panela de pressão. 
Deu-me mesmo a sensação de que aquela refeição estava a ser comida em casa da minha mãe que, para mim, faz a melhor carne guisada com esparguete do mundo.




Ingredientes: 

- Meio quilo de carne para guisar
- 1 cebola pequena
- 2 dentes de alho
- 100 gramas de bacon aos pedacinhos
- Azeite q.b.
- 1 folha de louro
- Vinho branco q.b.
- 1 caldo knorr natura de carne
- Sal, q.b.
- Esparguete q.b.

Preparação: 

Descasque a cebola e os alhos e pique-os fininhos. Deite na panela de pressão juntamente com o bacon e regue generosamente com azeite e coloque uma folha de louro sem o pé. Deixe refogar em lume brando, mexendo de vez em quando para não pegar. Tempere com vinho, colorau e pimenta. 
Vá mexendo sempre para não queimar e se necessário deite mais vinho ou água. 
No fim de bem refogadinho, junte a carne cortada em pedaços, o caldo de carne e cubra com água. Mexa e feche a panela de pressão. Coloque o pipo e quando este começar a rodar, deixe cozinhar cerca de  20 minutos.
Apague o lume, deixe o vapor sair e abra a panela.
Rectifique os temperos, adicione o esparguete e deixe este cozer.
Eu gosto de o dexar "al dente" pois no fim ele abre mais. 

10/02/14

Convite Workshop - As Receitas da dieta dos 31 dias

A Esfera dos Livros tem o prazer de convidar V. Exas a assistirem ao workshop sobre o livro "As Receitas da Dieta dos 31 Dias" da nutricionista Ágata Roquette.













Bacalhau Espiritual

São servidos de um bacalhau espiritual?




 Ingredientes:

- Q.b. de pão ralado , feito na Bimby *

- 100 gramas de pão duro
- 100 gramas leite
- 50 gramas azeite Oliveira da Serra Lote Selecionado
- 200 gramas de cebolas
- 2 dentes de alho
- 300 gramas de cenouras
- 400 gramas de bacalhau , demolhado e desfiado DIAS
- q.b. sal Necton
- q.b. pimenta Espiga


P/ o bechamel: 


- 300 gramas de leite
- 60 gramas de farinha
- 60 gramas de manteiga
- q.b. de sal Necton
- q.b. de pimenta Espiga
- q.b. de noz moscada
- 200 gramas de natas

  
Preparação:
Faça o pão ralado na Bimby e reserve. *
Demolhe o pão seco no leite e reserve.
Coloque o azeite no copo e programe 3 minutos, varoma, velocidade 1. 
Adicione a cebola, o alho, a cenoura e pique 10 segundos na velocidade 5.
A seguir programe 7 minutos, temperatura 100º C, velocidade 1.
Junte o bacalhau, o pão bem escorrido, a pimenta e programe 5 minutos, temperatura 100º C, velocidade colher inversa.
Rectifique o sal, deite num pyrex. Reserve.
Sem lavar o copo, coloque todos os ingredientes para o molho bechamel excepto as natas e programe 6 minutos, temperatura 90º C, velocidade 4.
Incorpore as natas pelo bocal da tampa e programe 2 minutos, temperatura 90º C, velocidade 4. 
Deite o molho bechamel em cima do bacalhau e envolva, guardando um pouco para cobrir o pyrex. Polvilhe com o pão ralado e leve ao forno para gratinar.


* - Faça o pão ralado, colocando o pão, a salsa e o alho na bimby e dê alguns toques de turbo, a gosto. Reserve.

Dica:
  • Para dias de festa, pode cozer 300 g camarão e colocar antes do bechamel e do pão ralado e só depois levar a gratinar.

09/02/14

Filetes com molho supremo

Ingredientes:



- 500 gramas de filetes ou lombos de peixe
- 250 gramas de legumes a gosto
- 250 gramas arroz
- 1 pacote de natas
- azeite, sal e pimenta
- Sumo de limão
- Salsa
- 1colher das de chá de mostarda




Preparação:



Deitar 900 gr de água no copo, colocar o arroz no cesto e este dentro do copo. Ponha a tampa e feche. Na varoma põem-se os legumes e temperam-se com sal, no tabuleiro da varoma arruma-se o peixe que se rega com azeite e sumo de limão e tempera-se com sal e pimenta. Coloque a varoma em cima da bimby e programe 20 minutos na temperatura varoma na velocidade 1.quando apitar, reserve a varoma, retire o arroz e conserve-o quente.Á água que está no copo, junte as natas, a salsa a mostarda e bata 10 segundos na velocodade 6 e depois 20 segundos na velocidade 10. Deitar o molho por cima do peixe

07/02/14

Novo livro de ÁGATA ROQUETTE


Olá boa tarde, Já devem, certamente,  ter ouvido falar no famoso livro "Dieta dos 31 Dias" .


Hoje venho dar-vos a conhecer o mais recente  livro da nutricionista  Ágata Roquette intitulado "As Receitas da Dieta dos 31 dias".


São mais de 250 receitas divididas entre as quatro fases desta dieta que  responde à necessidade de saber o que podem comer em cada fase da dieta.
Com esta livro a nutricionista pretende ajudar todos aqueles que diariamente, quer por e-mail quer pessoalmente,  lhe pedem ajuda sobre o que cozinhar para conseguir seguir à risca a dieta.

Respostas a perguntas como "O que fazer para jantar se não posso ingerir hidratos de carbono?" "O que posso comer ao lanche em vez das bolachas ou do pão?" podem ser facilmente encontradas neste livro.


Barrinhas de frutos secos e sementes, chips de maçã, pizza bolonhesa com base de beringela, peito de frango à salsicheiro, «falsos» canelonis, hambúrger de salmão com molho de iogurte, gaspacho light com queijo fresco, ovos escalfados com tomate, tortilha de bacalhau… são algumas das saborosas receitas para o pequeno almoço, lanche da manhã e da tarde, almoço e jantar que podemos encontrar nas suas páginas e que ajuda a perder 3 a 5 quilos, se for mulher, e 5 a 8 quilos se for homem, em apenas 31 dias. Sem sacrifícios, sem passar fome, sem se privar de nada.
Aproveito para vos anunciar o seu lançamento : 




Veja o booktrailer aqui: 






























05/02/14

Nova parceria traz novo passatempo - Bimbexpress/A Metalúrgica

Como mencionei neste post , vamos dar início a um passatempo entre A Metalúrgica e o Bimbexpress.


A Metalúrgica ofereceu uma forma à minha escolha para sortear entre todos os fãs de ambas as nossas páginas e seguidores do meu blog, e a escolhida foi este lindo Coração Duplo, gostam?


Vamos então às regras:
1 - Ser fã da página d'A Metalúrgica aqui
2 - Se fã da página do Bimbexpress aqui
3 - Juntar-se aos seguidores deste blog aqui:  
4 - Na página do facebook partilhar o passatempo em modo público, comentando com o nome de 2 amigos  e uma frase bem original que inclua as palavars "Bimbexpress" e "A Metalúrgica".

Posteriormente será escolhida conjuntamente pelos promotores do passatempo a melhor frase e em vez do habitual sorteio por random, o vencedor será o que concordarmos criar a melhor frase.

O Sorteio tem inicio agora e termina no dia 15 de Fevereiro de 2014 às 23h59m.

Boa sorte a todos .

Parceria "A Metalúrgica"

Olá.
Tenho o enorme prazer e alegria em anunciar a nova parceria do meu cantinho com "A Metalúrgica" .

A Metalúrgica "nasceu em 1896, pelas mãos do revolucionário Joaquim Moreira Pinto, com o nome de A Metalurgia.
Dedicava-se ao fabrico artesanal de regadores, lamparinas de iluminação, almotolias e pequenas formas para bolos em folha de flandres, marcando desta forma o início da indústria de fabrico de formas para bolos em Portugal.
No início do século XX e até aos anos 70, A Metalúrgica conheceu um período de inovação e criatividade, nas mãos de David Moreira Pinto (filho de Joaquim), com o desenvolvimento da gama de formas para bolos, sofrendo, nesse longo período as naturais crises inerentes aos tempos e longevidade.
No final dos anos 70, chega uma nova geração de Administradores (Agostinho Santos e Belarmino Ferreira) que fez uma autêntica revolução de métodos de trabalho e inovação de produtos.

Em 1995, a empresa mudou-se para as instalações actuais. Com 6.300 m2 de área coberta, arquitectonicamente estudados com conceitos de modernidade de construção e enquadramento ambiental, estas instalações localizam-se no topo de uma colina e estão rodeadas de belos jardins e plantas de grande porte, num total de 25.000 m2.
O espaço e a modernidade das novas instalações catapultaram a empresa para uma nova área de produtos: formas para pastelaria e panificação industrial. Nessa fase, as “armas” foram as de sempre: alta qualidade, altíssima capacidade de resposta e bom preço, factores que permitiram obter novos clientes cuja fidelização é a maior prova da capacidade da empresa.
Com a chegada do século XXI, esta velha Senhora, A Metalúrgica, mais que centenária, continua a manter a sua velha característica de empresa familiar, o que lhe dá um toque de humanismo e credibilidade que lhe permitem manter uma juventude perene. Em 2005 entrou na Administração um elemento da quinta geração, Raquel Santos, formando um triunvirato administrador de Avô, Pai e Neta."



A Metalúrgica possui uma enorme variedade de formas para bolos, sendo possível fazer a mesma peça em diferentes tamanhos, em diversos materiais e com vários acabamentos.
Seja qual for o bolo e a situação que procura festejar certamente encontrará n’ A Metalúrgica a forma ideal para si.

Eu já tinha várias formas deles que encomendei na loja online e hoje recebi mais 3 lindas formas que me foram gentilmente oferecidas pela empresa:
-  Kugelhof
- Trevo 
-  Livro

Muito Obrigada Pedro Cancelo e equipa. 

E esta parceria traz um fantástico passatempo, o qual vou dar a conhecer num outro post.