28/08/18

Focaccia de tomate e rosmaninho

Olá boa tarde. Uma sugestão rápida para uma vossa refeição. Espero que gostem-


Ingredientes:

- 3 colheres de sopa de rosmaninho picadas
- 1 colher de sopa de folhas de rosmaninho inteiras
- 500 gramas de farinha
- 1 pacote de fermento seco de padeiro 
- 250 ml de água morna
- 3  colheres de sopa de azeite
- 14 tomates cherry partidos
- 1 colher de chá de sal grosso


Preparação Bimby: 

Coloque no copo a água e o azeite e programe  1,30 minuto , temperatura 37º C, velocidade 1. Adicione o sal, o fermento e a farinha e envolva 10 segundos na velocidade 4 .  De seguida amasse 2 minutos na velocidade espigaRetire para um tabuleiro untado com azeite e deixe levedar num local morno cerca de 30 minutos.
Disponha a massa (1 cm de espessura) num tabuleiro rectangular. Com a ajuda dos dedos faça pequenos orifícios, colocando as metades de tomate cherry.
Salpique com o restante azeite. polvilhe com sal e as folhas do rosmaninho.
Leve ao forno pré-aquecido a 220º C, durante 15 a 20 minutos até dourar.
Deixe arrefecer um pouco antes de servir.
Preparação Tradicional:

Num recipiente coloque a farinha peneirada, o rosmaninho picado e o fermento. Misture bem.
Junte 2 colheres de azeite., vá adicionando água e envolva muito bem.
Deite o preparado numa superfície polvilhada com farinha e amasse muito bem.
Forme uma bola, coloque num recipiente coberto e deixe levedar 1 hora até dobrar de tamanho.
Disponha a massa (1 cm de espessura) num tabuleiro rectangular. Com a ajuda dos dedos faça pequenos orifícios, colocando as metades de tomate cherry.
Salpique com o restante azeite. polvilhe com sal e as folhas do rosmaninho.
Leve ao forno pré-aquecido a 220º C, durante 15 a 20 minutos até dourar.
Deixe arrefecer um pouco antes de servir.
Notas: Nesta receita, além de tomate normal, cujas rodelas fatiei com a minha mandolina Borner, usei também tomate seco da Guloso.




0 comentários:

Enviar um comentário

Sejam bem vindos ao meu blog. Espero que gostem. Apenas serão moderados os comentários SEM exagero de publicidade.
Obrigada
Alexandra