30/03/20

Cajun Shrimp Pasta (Massa Cajun com Camarão)

Olá boa tarde,
Hoje trago uma receita onde usei o tempero Cajun que fiz. 
E que delicia que é esta massa. O meu conselho é que façam mais quantidade pois as mencionadas dão para 3 pessoas que não comam muito.
Ingredientes (para 3 pessoas): 

- 225 gramas de esparguete (ou outra massa como macarrão, espirais...qualquer massa menos as pequeninas como pevide, estrelinha...)
- 330 gramas de camarão médio descongelado e descascado
- 1 colher de sopa de azeite (meti mais)
- 1/4 de cebola pequena finamente picada
- 1 colher de chá de mostarda Dijon
- 3 colheres de sopa de tomate seco (como não tinha usei tomate aos cubos)
-3-4 dentes de alho picados
- 1 pacote de  natas
- 1 colher de sopa de tempero Cajun
- 8 folhas de manjericão (opcional)
- Sal e pimenta a gosto
. Queijo parmesão ralado na hora, a gosto
Preparação de forma tradicional:

Leve uma panela ao lume com água e sal.  Cozinhe a massa de acordo com as instruções da embalagem.
Enquanto isso, adicione a manteiga e o azeite numa frigideira e leve a lume médio. Refogue as cebolas por 5 minutos ou até que estejam douradas.
Misture a mostarda Dijon, o tomate e o alho na panela e cozinhe cerca de um minuto.
Adicione as natas e e o tempero Cajun e deixe cozinhar por alguns minutos até obter um molho a seu gosto.
Adicione o camarão e cozinhe e 5 minutos ou até o camarão estar cozido e o molho ficar reduzido ao seu gosto. Tempere com sal e pimenta, se desejar, adicione o manjericão fresco e misture a massa escorrida com o molho.
Sirva com queijo parmesão ralado na hora.

28/03/20

Receita caseira de tempero cajun

Olá boa noite.
Espero que estejam todos bem, na medida do possível.
Trago-vos a receita do tempero Cajun tempero símbolo da culinária de New Orleans. A culinária cajun e a creole são os pilares da cozinha da Louisiana, no Sul dos Estados Unidos.
Pesquisei e encontrei ESTA que já experimentei e garanto ser muito boa. 
Por acaso tinha todos os ingredientes pedidos em casa.
Ingredientes: 

- 2½ colheres de sopa de paprica doce
2 colheres de sopa de sal marinho fino
- 2 colheres de sopa de cebola em pó
2 colheres de sopa de alho em pó
1 colher de sopa de orégãos secos
1 colher de sopa de alecrim seco
- 1 colher de sopa de tomilho seco
- 1 colher de sopa de pimenta caiena em pó
1 colher de sopa de pimenta do reino moída


Preparação de forma tradicional:

Numa taça grande misture todos os ingredientes indicados, respeitando as quantidades  (os ingredientes não devem ultrapassar as bordas da colher.


22/03/20

Mini Donuts

Olá olá.
A minha irmã deu-me esta receita de mini donuts e garanto que além de serem super fáceis de fazer, são deliciosos.
Ficam tão amorosos e visualmente apelativos depois de feitos!!
Uma boa sugestão também para apresentarem numa festa que façam. Experimentem. 
Ingredientes: 

- 200 gramas de farinha tipo 55
- 1 ovo
- 90 gramas de açúcar
- 1 colher de chá de fermento
. 2 colheres de sopa de manteiga 
- 1 pacote de açúcar baunilhado
- 170 gramas de leite

Ingredientes para o glacê:

- Açúcar em pó q.b.
- Leite q-b.
- Umas gotas de essência de baunilha ou de sumo de limão
Preparação do glacê:

Numa taça deite açúcar em pó (usei 2 colheres de sopa), adicione leite apenas para obter uma mistura cremosa (não deve ficar muito liquida) e misture umas gotas de essência de baunilha ou de sumo de limão. Misture.

Preparação da massa na Bimby e dos donuts na máquina:

Deitar todos os ingredientes no copo a Bimby e bater 1 minuto na velocidade 3. 
Deitar a massa, por exemplo, num saco de pasteleiro (pode também usar uma seringa de pasteleiro, um doseador ou até uma concha pequena).
No meu caso usei a máquina de mini donuts que tenho, e no fim de a deixar aquecer, fui enchendo as cavidades da mesma com a massa, deixando cozinhar os donuts. 
No fim retirei-os com a ajuda de um palito para cima de uma rede e e mergulhei cada donuts até meio no glacê,
De seguida passei nos spinkes (decorações) s a gosto.

Preparação da massa e forma tradicional e dos donuts na máquina;


Deitar todos os ingredientes secos numa taça e misturar bem. Adicionar os líquidos e misturar novamente até ligar tudo.
Deitar a massa, por exemplo, num saco de pasteleiro (pode também usar uma seringa de pasteleiro, um doseador ou até uma concha pequena).
No meu caso usei a máquina de mini donuts que tenho, e no fim de a deixar aquecer, fui enchendo as cavidades da mesma com a massa, deixando cozinhar os donuts. 
No fim retirei-os com a ajuda de um palito para cima de uma rede e e mergulhei cada donuts até meio no glacê,
De seguida passei nos spinkes (decorações) s a gosto.

19/03/20

Almôndegas caseiras mistas

Boa tarde. 
Há uns dias, ainda não se falava nem de Covid_19 e muito menos de pandemia, andei a fazer umas coisitas caseiras (almondegas,hambúrgueres de porco, e de frango, rolos de carne,rissóis, croquetes de carne e croquetes de queijo).
Perece que eu estava a adivinhar esta situação. A correria às compras, o açambarcamento das pessoas que correm a comprar tudo o que precisam e não precisam, acabando num ápice com o stock  diário disponível deixando os outros sem nada. 
Só vos digo, que se vive neste momento um total egoísmo por parte da maioria as pessoas, que no que toca a alimentação, só pensam nelas próprias. 
Pelo amo de Deus, não queiram tudo para vocês e pensem nas pessoas que têm menos poder econômico que apenas podem ir comprando à medida da disponibilidade financeira. 🙏
Assim, hoje venho deixar uma receita muito simples de almondegas que podem facilmente fazer em casa (acreditem que se conseguirem nesta altura comprar carne picada no talho ou num super e se tiverem chouriço, vai valer a pena - se não tiverem o enchido não faz mal, pois é só para ar um gosto diferente).
#Quarentena #Fiqueemcasa #Vaicorrerbem #Todosjuntos
Esta receita rendeu 40 almôndegas (depende do tamanho que fizeram as mesmas).

- 400 gramas de carne picada de porco
- 300 gramas de carne picada de vaca
- 1 ou 2 ovos (depende do tamanho e também da consistência da mistura obtida
- Pão ralado q.b.
- 1 pacote de mozzarella ralada (opcional)
- 1 ou 2 chouriços de carne (opcional)
- Sal qb (usei sal de pimentas da Gourmarket)
- 1 colher de sopa bem cheia  de alho em pó (usei da Gourmarket)
- 1 colher de sopa bem cheia  de cebola moída (usei da Gourmarket)

Preparação e forma tradicional:

Tire a pele ao chouriço e pique-o numa picadora.
Numa taça misture as carnes, o chouriço, os temperos, o ovo e o pão ralado e misture tudo muito bem. Se for necessário adicione outro ovo e mais pão ralado até obter uma mistura moldável para fazer as almôndegas. 
Misturar tudo bem e fazer bolinhas não muito grandes.
Coloque-as numa caixa com tampa, ou em cuvetes separando as camadas com papel vegetal, e congele-as. Transfira depois para sacos de congelação.

16/03/20

Bolo de Limão



Olá boa tarde a todos, No outro dia vi uma receita de bolo de limão aqui e fiquei logo tentada a experimentar. Um bolinho delicioso para um lanche.  
Ingredientes:
- 200 gramas de coco ralado
- 6 ovos
- 1 lata de leite condensado
- 1/2 lata (medida do leite condensado) de açúcar (não coloquei)
- 1 colher sopa margarina de girassol
. 240 gramas de farinha tipo 55
- Raspas de um limão grande 
Preparação na Bimby:
Deite os ovos no copo da Bimby e bata 1 minuto e 30 segundos na velocidade 3.
Coloque um recipiente sobre a tampa da Bimby, pese o açúcar e o coco e misture-os bem.
Adicione aos ovos batidos a margarina, o leite condensado e a raspa do limão.e misture 2 minutos na velocidade 4.
Acrescente a farinha e envolva 15 segundos na velocidade 6. Junte a mistura do açúcar e coco (ou só o coco se não usar açúcar) e misture 10 segundos na velocidade 6. 
Coloque numa forma untada e enfarinhada e leve ao forno, pré-aquecido a 180º, durante cerca de 20 minutos. O bolo não deve ficar muito cozido. Polvilhe com coco ralado.

Preparação de forma tradicional:
Bata os ovos coma a batedeira até ficarem espumosos, misture o coco com o açúcar.
Adicione aos ovos a margarina e o leite condensado e as raspas de limão, bata muito bem.
Junte a farinha peneirada. Por fim adicione a mistura do coco com o açúcar.
Coloque numa forma untada e enfarinhada e leve ao forno, pré-aquecido a 180º, durante cerca de 20 minutos. O bolo não deve ficar muito cozido. Polvilhe com coco ralado.
Notas: Para me auxiliar nas tarefas de obter raspa do limão usei o ralador multifunções  e para obter as rodelas finas de limão que usei na decoração do cenário usei a mandolina V3, ambos da Bormer.
Para cozer este bolo usei a forma Flor d'A Metalúrgica.

13/03/20

Suspiros de Amantes

Olá olá.
Hoje trago-vos uma receita que encontrei no blog da Olívia Rocha. que por sua vez a foi buscar a este blog (lá podem ler a belíssima história desta receita).
São realmente deliciosos e super fáceis de fazer,
Experimentem, não se vão arrepender.

Ingredientes: 
- 2 ovos
- 100 gramas de açúcar
- 50 gramas de manteiga
- 8 queijinhos tipo “Vaca que Ri”
- 1 base de massa quebrada ou folhada
- Açúcar em pó para polvilhar

Preparação na Bimby: 
No copo da bimby deite os ovos, o açúcar, manteiga e queijinhos. Programe 5 minutos. temperatura 90º C º, velocidade 4.
Forre forminhas individuais com a massa (untei-as primeiro) e deite o preparado sem as encher muito (até 2/3 da forma).
Levar ao forno a 180º C cerca de 25 minutos, ou até que estejam douradas. 

Preparação de forma tradicional:
Leve um tacho ao lume com a margarina até derreter.. Juntar o açúcar e misturar bem. Numa taça bata os ovos e adicione-os à mistura, mexendo sempre. Juntar os queijos e deixar cozinhar  até que se desfaçam e o creme engrosse.
Forre forminhas individuais com a massa (untei-as primeiro) e deite o preparado sem as encher muito (até 2/3 da forma).
Levar ao forno a 180º C cerca de 25 minutos, ou até que estejam douradas.

09/03/20

"Pampilhos" - Bolos típicos de Santarém

Olá boa tarde. Para começar a semana e aproveitando para participar no grande desfile da Cookpad - Sabores de Portugal -, tentei fazer Pampilhos, bolos típicos do Ribatejo cujo nome resulta de uma homenagem aos campinos que usualmente se fazem acompanhar de um pampilho (um pau comprido) para os auxiliar na condução do gado.
Ficaram bons mas ainda tenho que aprumar dois pontos: o tempo de cozedura que no meu forno foi excessivo (tenho que reduzir mais), pois não ficaram tão crus como deveriam já que estes bolos querem-se semicrus, e a textura do recheio pois não ficou espesso o suficiente e portanto os bolos não ficaram assim tão recheados como se querem.
E, como é óbvio, não são os verdadeiros Pampilhos.

 

Ingredientes para os ovos moles:

- 70 gramas de água
- 130 gamas de açúcar
- 6 gemas de ovo

Ingredientes para a massa:

- 130 gramas de açúcar
- 130 gramas de manteiga à temperatura ambiente
- 2 ovos (1 para a massa e 1 para pincelar)
- 300 gramas farinha tipo 65, mais q.b. p/ polvilhar (para a próxima meto menos) *
- Canela em pó q.b. p/ polvilhar
 


Preparação dos ovos moles na Bimby:

Coloque no copo a água e o açúcar e programe 20 minutos (para a próxima programo mais tempo) ,temperatura 120° C (varoma na TM1), velocidade 1. 
Retire o copo da base para que arrefeça mais depressa e deixe a calda arrefecer até aos 60°C, cerca de 30 minutos.
Corte as gemas com a ajuda de uma faca e passe por um passador de rede fina. Deite um pouco da calda sobre as gemas e misture com a ajuda da faca.
Insira a borboleta. De seguida programe 12 minutos, temperatura 100°C, velocidade 1 e adicione em fio, através do bocal da tampa, as gemas reservadas. Retire e deixe arrefecer cerca de 3 horas ou até ganhar consistência.

Preparação da massa na Bimby:


Pré-aqueça o forno a 250°C. Forre um tabuleiro de forno com papel vegetal.
No copo limpo coloque o açúcar, a manteiga e 1 ovo e bata 4 minutos na velocidade 4.
Adicione a farinha e misture 15 segundos na velocidade 6. Retire e deixe descansar cerca de 30 minutos.

Montagem dos Pampilhos:

Numa superfície polvilhada com farinha, estenda a massa com a ajuda de um rolo enfarinhado com uma espessura de 4 mm (aproximadamente.).
Corte com a ajuda de uma faca retângulos de 15x10 cm, numa das metades distribua uma porção de ovos-moles, polvilhe com canela e cubra com a outra metade obtendo assim retângulos de 15x5 cm. Coloque os pampilhos no tabuleiro, pincele com 1 gema de ovo e leve ao forno a 250°C cerca de 5 minutos. De seguida deixe cerca de 3 minutos, só com a resistência de cima ligada, até a zona da gema ficar tostada.


Preparação dos ovos moles de forma tradicional:

Prepare uma calda, levando o açúcar com a água ao lume até atingir o ponto de pasta (quando atinge os 101º C, altura em que começa a aderir à colher uma pequena camada de açúcar).
Desfaça e bata ligeiramente as gemas e deite a calda sobre elas, em fio, sem parar de mexer.
Leve ao lume a engrossar, mexendo sempre para que não se pegue. Deixe arrefecer.

Preparação da massa de forma tradicional:

Misture o açúcar com a margarina amolecida e o ovo.
Junte a farinha e trabalhe a massa energicamente.
Deixe repousar cerca de 30 minutos.

Montagem dos Pampilhos:

Estenda a massa numa superfície enfarinhada, usando um rolo também polvilhado com farinha, de forma a obter uma espessura de aproximadamente 4 milímetros (aproximadamente.).
Corte com a ajuda de uma faca retângulos de 15x10 cm, numa das metades distribua uma porção de ovos-moles, polvilhe com canela e cubra com a outra metade obtendo assim retângulos de 15x5 cm. Coloque os pampilhos no tabuleiro, pincele com 1 gema de ovo e leve ao forno a 250°C cerca de 5 minutos. De seguida deixe cerca de 3 minutos, só com a resistência de cima ligada, até a zona da gema ficar tostada.


História dos Pampilhos: 

Região: Lisboa e Vale do Tejo.
Os Pampilhos são bolos típicos do Ribatejo cujo nome resulta de uma homenagem aos campinos que usualmente se fazem acompanhar de um pampilho (um pau comprido) para os auxiliar na condução do gado.
Os Pampilhos devem ser feitos poucos de cada vez pois como a massa fica semicrua são melhores frescos, perdendo qualidades com o passar do tempo.

Os Pampilhos não têm uma longa tradição por si próprios, mas têm-na na medida em que foram «imaginados» em homenagem ao homem do Ribatejo, mais propriamente ao campino que na lezíria guarda os touros. O pampilho é a vara comprida com que o campino dirige os animais, e daí o formato do bolo. O bolo é uma criação, de há cerca de 30 anos, do Sr. Diamantino Veloso, então pasteleiro da Pastelaria Acides (local onde os alunos da Escola Agrária da região e a elite dos «forcados de Santarém» se reuniam habitualmente para confraternizar). Desta maneira a pastelaria homenageou as gentes ribatejanas ligadas aos mais conhecidos ex Libris do Ribatejo: o touro e o cavalo.


Notas: Se não tiver farinha tipo 65, pode usar tipo 55 acrescentando ais 10% do que pede a receita (neste caso seriam 330 gramas)
Receita no livro Bimby À Portuguesa Com Certeza e em Doces Regionais
História dos Pampilhos em https://tradicional.dgadr.gov.pt/
Confeção dos ovos moles:  https://www.youtube.com/watch?v=PPPZHsFB5bo 

07/03/20

Bolo de canela

Boa tarde. 
Este bolo foi de um parto muito difícil, acreditem. Da primeira vez saiu lindo da forma, mas como achei que estava um pouco escuro por cima, toca de raspar o mais queimado, Tudo muito certo não tivesse eu achado que o prato estava sujo e inapropriado para a fotografia. Toca de agarrar no bolo ainda quente para o mudar de prato... pois.... partiu.se ao meio (às vezes fazemos coisas tão parvas!!). Comeu-se mas fotografia, esquece. 
Na mesma semana fui fazer novamente o bolo.  Desta vez, ainda não sei bem como, o forno só tinha a resistência inferior ligada e quando dei por isso , ligando a superior, já o tempo de cozedura ia a meio. Logicamente cozeu demais por baixo e depois ao desenformar fiquei com meio bolo no prato. Oh que treta.
Hoje lá fui eu tentar novamente e parece que â terceira foi de vez. Ufa, já estava pronta a desistir se não fosse desta.
Ingredientes:

- 2 ovos (gemas e claras separadas)
- 400 gramas de açúcar
- 400 gramas de farinha
- Raspa de 1 limão
- 1 colher de chá de fermento em pó
- 2 colheres de sopa de canela em pó (se não gostar de sabor forte a canela pode usar só 1)
- 1/4 litro de leite
- 1 pacote de 250 gramas de margarina

Preparação na Bimby:


Pré-aqueça o forno a 180º c.
Misture as gemas com o açúcar, 2 minutos na velocidade 5.
Junta-se a margarina derretida, a raspa do limão, o leite, a farinha misturada com o fermento e a canela e programa-se 2 minutos na velocidade 3.
Envolvem-se as claras batidas em castelo, com a ajuda da espátula.
Vai ao forno num tabuleiro rectangular (também poe ser numa outra forma) previamente untado, cerca de 35 minutos (verificar cozedura com um palito).


Preparação de forma tradicional:

Pré-aqueça o forno a 180º c.
Misture as gemas com o açúcar até obter uma gemada (fica grossa).
Junta-se a margarina derretida, a raspa do limão, o leite, a farinha misturada com o fermento e a canela. Mistura-se muito bem.
Envolvem-se as claras batidas em castelo.
Vai ao forno num tabuleiro rectangular (também poe ser numa outra forma) previamente untado, cerca de 35 minutos (verificar cozedura com um palito).
Nota:Para cozer este bolo usei a forma flor d''A Metalúrgica

03/03/20

Rolos de carne mista recheados (para congelar)

Hoje foi dia de fazer rolos de carne para congelar. Optei por fazer de carne mista pois ficam mais saborosos.
Comprei uma pá de porco no talho, pedi para tirar o osso e picar (parece eu que pedi algo muito bizarro pois o rapaz ficou a olhar para mim e perguntou: picar aqui na máquina? Sim, disse eu). Trouxe também um pedaço de carne de vaca da que estava mais barata e igualmente picada lá.
Com 2 kilos fiz 4 rolos e seguramente gastei bem menos dos que se os comprasse feitos.
E vocês, também gostam de fazer em casa os rolos de carne ou outras coisas?
Vamos às receitas.
Não recorri ao robot de cozinha por isso apenas deixo o modo de preparação tradicional. 
 Ingredientes para o preparado da carne:

- 1 kilo de carne de porco picada (pedi no talho para picar)
- 1 kilo de carne de vaca picada (pedi no talho para picar)
- 2 chouriços picados (tirei a pele, cortei em pedaços e piquei numa picadora tipo 1,2,3)
- 2 ovos (usei 4 ovos de codorniz)
-  Pão ralado com salsa e alho q.b. (podem usar do simples)
- Cebola moída Gourmarket q.b.
- Alho moído Gourmarket q.b.
- Sal de alecrim Gourmarket q.b.
- Louro moído Gourmarket q,b,


Ingredientes para os rolos e recheios:

Para o rolo 1:

- 500 gramas do preparado da carne
- 4 fatias de queijo flamengo 
- 1 fatia de fiambre

Para o rolo 2:

- 500 gramas do preparado da carne
- 2 fatias de queijo flamengo 
- 4 fatias de bacon
- 2 triângulos de queijo (tipo a vaca que ri)

Para o rolo 3:

- 500 gramas do preparado da carne
- 2 fatias de queijo flamengo 
- 1 fatia de fiambre
- 3 triângulos de queijo (tipo a vaca que ri)

Para o rolo 4:

- 500 gramas do preparado da carne
- 2 fatias de queijo flamengo 
- 4 rodelas de chourição
- 2 triângulos de queijo (tipo a vaca que ri)
Preparação do preparado da carne:

Numa tigela, coloque a carne e tempere com a cebola, o alho, o louro e o sal de alecrim. Junte os ovos e um pouco de pão ralado. Misture tudo muito bem e junte pão ralado até a carne deixar de colar nas mãos.
Depois de tudo bem misturado, espalhe pão ralado numa folha de alumínio.

Preparação dos rolos: 

Rolo 1:

Deite 500 gramas da mistura da carne numa folha de alumínio bem salpicada de pão ralado e espalhe muito bem a carne de forma a que fique um retângulo.
Por cima da carne, coloque 2 fatias de queijo flamengo, 1 fatia de fiambre e mais 2 fatias de queijo flamengo.
Enrole o papel de alumínio, como se estivesse a enrolar uma torta, de forma a que fique um rolo e aconchegue muito bem.
Retire o papel de alumínio e congele o rolo numa caixa com tampa.

Rolo 2:

Deite 500 gramas da mistura da carne numa folha de alumínio bem salpicada de pão ralado e espalhe muito bem a carne de forma a que fique um retângulo.
Por cima da carne coloque 2 fatias de queijo flamengo, 4 tiras de bacon e os triângulos de queijo.Enrole o papel de alumínio, como se estivesse a enrolar uma torta, de forma a que fique um rolo e aconchegue muito bem.
Retire o papel de alumínio e congele o rolo numa caixa com tampa.

Rolo 3:

Deite 500 gramas da mistura da carne numa folha de alumínio bem salpicada de pão ralado e espalhe muito bem a carne de forma a que fique um retângulo.
Por cima da carne, coloque 2 fatias de queijo flamengo, 1 fatia de fiambre e os triângulos de queijo.
Enrole o papel de alumínio, como se estivesse a enrolar uma torta, de forma a que fique um rolo e aconchegue muito bem.
Retire o papel de alumínio e congele o rolo numa caixa com tampa.

Rolo 4:

Deite 500 gramas da mistura da carne numa folha de alumínio bem salpicada de pão ralado e espalhe muito bem a carne de forma a que fique um retângulo.
Por cima da carne, coloque 2 fatias de queijo flamengo, o chourição e os triângulos de queijo.
Enrole o papel de alumínio, como se estivesse a enrolar uma torta, de forma a que fique um rolo e aconchegue muito bem.
Retire o papel de alumínio e congele o rolo numa caixa com tampa.