28/05/20

Arroz de forno

Olá a todos.
Não sabia o que fazer para acompanhamento de carne e não me apetecia nada o tradicional arroz de manteiga, de cenoura (etc) nem mesmo batatas ou massa. Foi então que fui pesquisar e encontrei na Teleculinária este arroz de forno.
Pareceu-me bem e não me enganei pois é delicioso e todos gostámos. 
Fiz no tacho, por isso desta vez não haverá adaptação à Bimby.
 
 Ingredientes:

- 300 gr de arroz carolino (usei da Bom Sucesso)
- 1/2 chouriço de carne
- 1 cebola pequena
- 1 dl de azeite
- 7 dl de água a ferver (acrescentei mais água quente durante a cozedura para ficar um arroz malandrinho. Fui verificando para não o deixar secar))
- 1 colher de chá de açafrão em pó
- 1 cubo de caldo de carne (usei o meu caldo caseiro de frango)
- Sal q.b. (não necessitou)

Preparação de forma tradicional:

Coloque a cebola picada num tacho com o azeite e o chouriço cortado em rodelas. 
Leve ao lume e deixe cozinhar até a cebola ficar transparente. Adicione depois o caldo de carne, o açafrão e a água a ferver. 
Deixe levantar fervura e retifique o sal.
Deite o arroz num tacho de barro. Adicione o caldo anterior, mexa e leve ao forno, pré-aquecido a 200ºc, durante 20 minutos. Retire do forno, deixe repousar durante 10 minutos e sirva decorado com salsa.


26/05/20

Licor de morango (tipo Baileys)

Boa tarde.
Ai ai ai, a Graça António do blog Graça Truques & Dicas dá cabo de mim (estou a brincar, claro. É no bom sentido).
Mas sim,o blog dela tem, ultimamente, sido uma das minhas inspirações e perdições. Não acreditam? Então vejam só este Baileys de morango (assim que ela publicou a receita guardei-a logo e pensei que tinha que a fazer).
Ingredientes:

- 250 gramas de morangos madurinhos
- 200 a 300 gramas de Whisky *(usei 200)
- 150 gramas de açúcar
- 1 lata de leite evaporado (400 gramas)
- 200 gramas de natas magras **
- 200 gramas de leite condensado 
- 10 gramas de aroma de baunilha (usei essência)

Preparação na Bimby:

Coloque os morangos e o açúcar no copo e triture 30 segundos na velocidade 7. Com a ajuda da espátula baixe o que ficou nas paredes e tampa do copo. Programe 18 minutos, temperatura 120º C na TM5 ou Varoma na TM31, velocidade 2 e coloque o cesto em cima, em vez do copo medida. até aos os 40º C (para verificar a temperatura vá colocando o copo na base e verifique a mesma)***.  
Quanto atingir a temperatura, junte o whisky e envolva 30 segundos na velocidade 7. Junte as natas, o leite condensado, o leite evaporado e a baunilha e envolva 30 segundos na velocidade 4. 
Verta para uma garrafa de vidro esterilizada e guarde no frio.
Sirva fresco e com gelo.


Notas da Graça: 
  • Na falta de morangos pode usar 1 colher de sopa cheia de aroma de morango e umas gostas de corante vermelho para dar cor, e salta o primeiro passo.
  • *A quantidade de whisky depende do gosto pessoal (sabor mais ou menos intenso)
  • **Se usar natas gordas vai ficar com o licor mais espesso
  • ***Se juntarmos o álcool na mistura quente o mesmo vai evaporar.
  • Caso queira ainda mais rosa, junte 2 gostas de corante vermelho (não usei).
  • Dura 15 dias no frigorifico (embora eu já tenha lido que a validade do Baileys caseiro é a mesma que a as natas usadas)

24/05/20

Caldo caseiro de frango (tipo Knorr)

Olá.
Para finalizar esta onda de caldos, depois do de legumes e do de peixe, chegou a vez do de carne. A escolha foi frango. 







Ingredientes: 

- 300 gramas de peito de frango cortado em pedaços
- 300 g legumes variados, (aipo, cenoura, cebola, alho, tomate) ) cortados em pedaços
- 4 ramos de ervas frescas variadas, (salva, alecrim) só as folhas
- 200 g sal grosso marinho
- 30 g vinho branco
- 1 folha de louro
- 1 cravinho
- 1 dente de alho
Preparação na Bimby:

Coloque os legumes e as ervas no copo e pique 10 segundos na velocidade 5. Junte o frango.
Adicione o sal, o vinho, o louro, o alho, o cravinho e programe 20 minutos, temperatura varoma, velocidade 1,colher inversa. Retire o copo de medida e coloque o cesto sobre a tampa para evitar salpicos.
Retire o cesto e a folha de louro, coloque o copo de medida e programe 1 min e vá progressivamente até à velocidade 7. 
Retire para um frasco bem lavado e esterilizado e deixe arrefecer.



Preparação de forma tradicional: 

Descasque e corte os legumes em pedaços. Pique-os num processador de alimentos. Coloque num tacho anti-aderente. Junte o frango, o sal, o vinho, o louro, o alho, o cravinho e leve a cozer em lume baixo. Vá verificando para que não seque e queime (vá adicionando vinho se necessário).
Triture tudo com cuidado para não se queimar. 
Retire para um frasco bem lavado e esterilizado e deixe arrefecer.

23/05/20

Caldo de peixe caseiro (tipo Knorr)

Olá boa noite.Após o caldo de legumes foi a vez de fazer caldo de peixe. 
Realmente não tem nada a ver o sabor e sabemos o que estamos a comer.

Ingredientes:

- 3 postas de peixe (usei pescada poi era o que tinha em casa)
- 150 gramas de alho francês (meti talo e rama)
- 150 gramas de cenoura
-  250 gramas de sal marinho grosso
30 gramas de vinho branco
- 30 gramas de azeite 
- 100 gramas de cebola
- 150 gramas de curgete
- 2 dentes de alho
- 1 tomate
- 1 colher de chá de tomilho
- 1 ramo de salsa

Preparação na Bimby:
Coloque todos os ingredientes no copo e programe 30 minutos, temperatura varoma,velocidade 2 (120 º C na TM5). Coloque o cesto por cima da tampa em vez do copo de medida.
No fim do tempo escorra o liquido que tiver.
Coloque o copinho de medida e triture 1 minuto e 30 segundos nas velocidades 3/5/7.
Guarde no frio em frascos esterilizados.

Preparação de forma tradicional:
Descasque e corte os legumes em pedaços. Pique-os num processador de alimentos. Coloque num tacho anti-aderente. Adicione, o sal, o vinho, o azeite e o peixe e leve a cozer em lume baixo. Vá verificando para que não seque e queime (vá adicionando vinho se necessário). Triture tudo com cuidado para não se queimar. 
Retire para um frasco bem lavado e esterilizado e deixe arrefecer.


21/05/20

Caldo de legumes caseiro (tipo Knorr)

Olá boa tarde. Como estão todos? Espero que bem.
Há uns tempos resolvi fazer o meu próprio caldo de legumes. Inspirei-me na Graça e experimentei.
E pronto, lá saiu um caldo de legumes sem corantes nem conservantes. Dura até 6 meses no frigorifico guardado num frasco esterilizado com tampa. 
É tão bom abrir o nosso frigorifico, usar o caldo que fizemos e saber o que estamos a usar na mossa comida. 
A vantagem, tal como refere a Graça, é que podemos usar os legumes que quisermos na confeção.
Vou deixar aqui os que usei.. 
Ingredientes:
- 150 gramas de cenoura
- 100 gramas de abóbora 
- 150 gramas de alho francês (meti talo e rama)
- 100 gramas de folhas de couve
- 100 gramas de folhas de espinafre
- 100 gramas de cebola
- 150 gramas de curgete
.- 2 dentes de alho
- 50 gr de ervas aromáticas variadas
- 2 pés de salsa fresca
- 2 pés de coentros frescos
- 140 gramas de sal marinho grosso
- 30 gramas de vinho branco
- 30 gramas de azeite 


Preparação na Bimby:
Descasque e corte os legumes em pedaços. Coloque-os no copo com as ervas e a salsa .Pique 10 segundos na velocidade 7.
Adicione, o sal, o vinho, o azeite e programe 35 minutos, temperatura varoma (120º na TM5), velocidade 1, colher, inversa. Coloque sobre a tampa da bimby o cesto em vez do copo de medida para evitar salpicos.
Retire o cesto, coloque o copo de medida e triture 1 minuto e progressivamente velocidade 5/6/7.
Retire para um frasco bem lavado e esterilizado e deixe arrefecer.
Preparação de forma tradicional: 
Descasque e corte os legumes em pedaços. Pique-os num processador de alimentos. Coloque num tacho anti-aderente.Adicione, o sal, o vinho, o azeite e leve a cozer em lume baixo. Vá verificando para que não seque e queime (vá adicionando vinho se necessário).
Triture tudo com cuidado para não se queimar. 
Retire para um frasco bem lavado e esterilizado e deixe arrefecer.



19/05/20

Mil folhas com creme de pasteleiro

Olá boa tarde. Gostam de mil folhas? Este era o bolo preferido a minha avó materna.
É tão simples de fazer esta receita e, para mim, é bem melhor do que os de algumas pastelarias.
Ingredientes:

- 1 ou 2 bases de massa folhada retangular (depende da quantidade que querem fazer)
- Creme e pasteleiro q.b.
- Glacê (clara de ovo e açúcar em pó q.b.)

Ingredientes para o creme de pasteleiro: 

- 70 gramas de açúcar
- 1 limão (casca, só a parte amarela)
- 2 ovos
- 1 colher de sopa de açúcar baunilhado
- 300 gramas de leite
- 25 gramas de licor (opcional)
- 15 gramas de amido de milho

Preparação do creme de pasteleiro na Bimby:

Coloque no copo o açúcar e pulverize 10 segundos na velocidade 9.
Adicione a casca de laranja e a de limão e pulverize 15 segundos na velocidade 9.
Adicione o ovo, a gema de ovo, o açúcar baunilhado, o leite, o licor e o amido e misture 6 minutos, temperatura 90°C, velocidade 4. 


Preparação do creme de pasteleiro de forma tradicional:


Pulverize o açúcar num processador e alimentos. Adicione a raspa de limão
Deite num tacho anti aderente. Adicione o ovo, a gema de ovo, o açúcar baunilhado, o leite, o licor e o amido e leve ao lume a engrossar. 

Preparação do Mil folhas: 

Pré-aquecer o forno a 180°C.Cortar as massas folhadas, cortar ao meio, no sentido do maior comprimento e deixar de cima do papel vegetal que vem com a massa. Colocar em cima do tabuleiro do forno (garanta que a massa fica direita). Proceda na mesma forma para a outra massa folhada. As massas podem ir todas ao forno ao mesmo tempo, em 2 tabuleiros.Levar ao forno durante 12 a 15 minutos, até ficarem loiras. 
Para a decoração faça um glacê (coloque a clara de ovo num recipiente, e bata com ajuda de um garfo. Quando começar a ficar esbranquiçada, vá adicionando o açúcar em pó progressivamente, sem parar de mexer com o garfo e até obter a consistência desejada). Reserve.
Para fazer as riscas, retire para um recipiente pequeno, 1 colher de sopa desse creme branco e junte o chocolate em pó e a água, misture bem. Coloque num saco pasteleiro com bico simples. Reserve.
Para construir o mil folhas, coloque por camadas a massa folhada e virada ao contrário para que fique com a parte mais lisa voltada para cima. Barre com 1/3 do creme de pasteleiro. Em seguida, coloque a outra metade por cima, e proceda da mesma forma. Repita.Coloque a última camada de massa folhada, barre as laterais com o creme que restar.Decore cuidadosamente com o creme branco que deverá cobrir toda a superfície da massa folhada, com ajuda de uma espátula,. De seguida com o creme de chocolate, faça riscas no sentido do maior comprimento. Por fim, com ajuda de um palito, arraste-o levemente por cima da massa, no sentido do menor comprimento, uma vez para um lado, outra vez para o outro para obter o efeito desejado. 
Coloque no frigorífico até servir. 

Notas: Pode fazer-se um bolo inteiro ou vários individuais. 
Receita inspirada no blog eu sou gulosa e no portal Cookidoo

14/05/20

Rissóis de camarão

Boa tarde. Não sei se já repararam mas ando numa de fazer rissóis.
Estes são de camarão. 

Ingredientes para a massa:

 - 250 gramas farinha tipo 65
 - 320 gramas de água
 - 60 gramas de margarina
 - 1 pitada de sal

Ingredientes para o recheio:

- 250 gramas de camarão
- 500 gramas leite
- 100 gramas farinha
- 1,5 caldo de marisco
- 50 gramas de margarina
- Sal q.b.
- Pimenta moída q.b.
- Noz-moscada q.b.
- Salsa picada q.b.
- Ovo para panar
- Pão ralado para panar


Preparação da massa na Bimby:

Para a massa, pese a farinha e reserve.
Coloque no copo a água, a margarina, o sal e programe 5 minutos, temperatura 100ºC, velocidade 1.
Junte a farinha de uma só vez e programe 20 segundos, velocidade 4. Reserve e deixe arrefecer.

Preparação do recheio na Bimby::

Coloque no copo a salsa e pique 2 segundos na velocidade 7. Retire e reserve.
Coloque no copo as cascas a as cabeças do camarão e o leite e cozinhe 5 minutos, temperatura 90°C, velocidade 2. Coe com a ajuda do cesto e reserve o fumet.
No copo limpo coloque o fumet, a farinha, o caldo de marisco, a manteiga, o sal, a pimenta e a noz-moscada e cozinhe 6 minutos, temperatura 90°C, velocidade 4.
Adicione os camarões cortados em pedaços pequenos e cozinhe 2 minutos, temperatura /90°C, velocidade colher inversa. .
Adicione a salsa reservada e envolva com a ajuda da espátula. Retire e deixe arrefecer.

Montagem dos rissóis:

Numa superfície lisa estenda a massa finamente, com a ajuda de um rolo. Com um cortador corte círculos (Ø 10 cm aprox.), coloque no centro de cada um 1½ c. de chá de recheio, pincele com água e feche em forma de rissol, retirando bem o ar. Passe os rissóis pelos ovos batidos e pelo pão ralado reservado e frite em óleo abundante e quente.
Retire e coloque sobre papel absorvente para retirar o excesso de óleo. Sirva quentes ou frios.

Preparação da massa de forma tradicional:

Leve  a água ao lume com uma pitada de sal e a margarina . Quando ferver apague o lume e junte, de uma só vez a farinha, mexendo energicamente com uma colher de pau, até a massa se despegar das paredes do tacho e formar uma bola. Coloque a massa sobre a bancada e amasse com os punhos até arrefecer um pouco. 
Tape com um pano e prepare o recheio. 

Preparação do recheio de forma tradicional:

Leve um tacho ao lume com as cascas a as cabeças do camarão e o leite e deixe ferver 5 minutos. Coe com a ajuda do cesto e reserve o fumet.
Num tacho coloque o fumet, a farinha, o caldo de marisco, a manteiga, o sal, a pimenta e a noz-moscada e cozinhe 6 minutos.
Adicione os camarões cortados em pedaços pequenos e cozinhe 2 minutos.
Adicione a salsa reservada e envolva com a ajuda da espátula. Retire e deixe arrefecer.

Montagem dos rissóis:

Numa superfície lisa estenda a massa finamente, com a ajuda de um rolo. Com um cortador corte círculos (Ø 10 cm aprox.), coloque no centro de cada um 1½ c. de chá de recheio, pincele com água e feche em forma de rissol, retirando bem o ar. Passe os rissóis pelos ovos batidos e pelo pão ralado reservado e frite em óleo abundante e quente.
Retire e coloque sobre papel absorvente para retirar o excesso de óleo. Sirva quentes ou frios.

Nota:  Eu congelo antes de fritar pois acho que ficam melhores. Só uma receita de massa não dá para esta quantidade de recheio.

05/05/20

Empadas de frango

Boa tarde. 
A receita que vos trago hoje é de empadas de galinha. O recheio é o que costumo fazer mas a massa é receita da Cátia Goarmon. 
Recomendo mesmo esta massa pois fica deliciosa.

Ingredientes para a massa:

- 900 gramas de farinha tipo 65
- 140 gramas de banha
- 5 dl de caldo de galinha ( caldo de galinha dissolvido em 400 ml de água quente).

Ingredientes para o recheio:

- 1 cebola
- 1 cenoura
- 2 dentes de alho
- 3 pés de salsa
- 50 gramas de azeite
- 100 gramas de vinho branco
- 1 frango partido aos pedaços
- 80 g de farinha
- 10 gramas de molho de soja (opcional)
- 2 caldos de galinha
- Pimenta q.b.
- 2 gemas de ovo
- 1 ovo para pincelar
Preparação da massa na Bimby:

Deixe arrefecer o caldo.
Colocar todos os ingredientes no copo.  Misturar 2 minutos na velocidade espiga. Deixe descansar 5 minutos. 

Preparação do recheio na Bimby:

Coloque no copo a cebola, a cenoura, os alhos, a salsa e o azeite e programe 8 segundos na velocidade 5 Refogue 5 minutos, temperatura varoma, velocidade 1 e meio.
Junte o frango, o vinho, o molho de soja e os 2 caldos e programe 35 minutos, temperatura varoma, velocidade colher inversa.
Retire o frango e desosse-o. Reserve.
Ao caldo que ficou no copo juntar a farinha e programar 5 minutos, temperatura 90º,C velocidade 3. Retificar os  temperos
Ligue a bimby  na velocidade 3 e deite as gemas em fio pelo bocal programando mais 2 minutos na  temperatura 90º.
Junte o frango e programe mais 1 minuto na velocidade 3. Ajude a envolver com a espátula.
Preparação da massa de forma tradicional:

Faça o caldo de galinha dissolvendo o cubo  em 400 ml de água quente, Deixe arrefecer.
Colocar a farinha numa taça e juntar o caldo e a banha.
Amassar tudo muito bem (com as mãos ou com uma batedeira). Deixe descansar 5 minutos. 

Preparação do recheio de forma tradicional:

Descasque e pique a cebola, a cenoura e os alhos (pode usar uma picadora ou só uma faca, como preferir). Pique a salsa. Coloque num tacho com o azeite, leve ao lume e deixe refogar. Junte o frango partido em pedaços, o vinho, o molho de soja e os 2 caldos e deixe cozinhar o frango.
Retire-o e desosse-o. Reserve.
Ao caldo que ficou no tacho juntar a farinha e mexer muito bem. Deixar cozinhar até ficar grossinho e retificar os  temperos,
Deite as gemas em fio e deixe cozinhar mas uns 2 minutos (tendo o cuidado de ir mexendo para que não pegue nem queime).
Junte o frango desfiado e misture tudo.
Montagem das empadas:

Untar com spay desmoldante (ou com manteiga) as formas das empadas (eu utilizei descartáveis de alumínio com 7 cm de diâmetro)
Estender a massa com um rolo numa superfície enfarinhada. Corte rodelas do tamanho adequado às formas que vai usar para fazer as empadas (estas devem ser maiores que as formas para que as possa forrar), e corte círculos menores para fazer as tampas. 
Forre as formas com as rodelas maiores, coloque a quantidade desejada de recheio e tape com as rodelas menores.
Feche bem.
Se as for consumir na altura, pincele com ovo batido e leve ao forno até dourar.
Caso opte por as congelar, não pincele e quando as quiser cozinhar, retire um bocado antes para que descongelem, Pincele na altura em que as for colocar no forno.

04/05/20

Sopa de tomate

Esta sopa já vem de casa da minha mãe e eu adoro. Gosto muito de lhe juntar depois de pronta ou bocadinhos de ovo cozido, ou de mexer um ovo na quantidade de sopa que vou comer, ou então de lhe juntar no prato pedacinhos de croutons.

Ingredientes:

- 1 cebola
- 1 dente de alho
- 1 batata grande ou 2 pequenas
- Sal, q.b.
- 1 colher de chá de açúcar
- Azeite, q.b.
- 1 litro (1000 gramas) de água
- 5 tomates frescos pequenos (também pode usar congelados)
- Um quarto de pimento verde sem sementes


Preparação na Bimby:

Descasque as batatas, a cebola e o alho. Tire a pele aos tomates (eu não tirei) e corte o pimento aos bocados. Coloque no copo da bimby com a água, o sal, o açúcar e o azeite. Programe 30 minutos, velocidade 2, temperatura 100º C.
No fim do tempo triture 40 segundos indo progressivamente até à velocidade 7.
Se desejar passe por um passador de rede fina para tirar todas as grainhas do tomate. 


Preparação de forma tradicional: 

Descasque as batatas, a cebola e o alho. Tire a pele aos tomates (eu mão tirei) e corte o pimento aos bocados.
Leve tudo ao lume numa panela com a água, o sal, o açúcar  e o azeite. 
Deixe cozinhar tudo (uns 25 a 30 minutos mas convém ir verificando).
No fim apague o lume e triture a sopa.
Se desejar passe por um passador de rede fina para tirar todas as grainhas do tomate. 


Curiosidade;  O tomate é uma fruta ou um legume?

O mundo tem realmente dois diferentes significados para a palavra fruta - um significado quando se vai ao supermercado, e outro usado apenas pelos botânicos.
No supermercado, nós geralmente entendemos uma fruta como um produto natural da planta que é doce e um legume como um produto natural da planta que não é doce. Dentro desse padrão de definição, maçãs, morangos, uvas e bananas são frutas enquanto que tomate, abóbora e batata são legumes.
Tecnicamente, no entanto, essa leiga definição não vale nada. A Enciclopédia Britânica resume assim:

Fruta – No seu sentido botânico, é o ovário suculento ou seco e amadurecido de uma planta, que guarda a semente ou as sementes. Deste modo, damascos, bananas e uvas, bem como vagens, grãos de milho, tomates, pepinos e amêndoas são tecnicamente frutos.

Essa definição de fruta é muito ampla e abrange praticamente tudo que contém sementes. E dessa forma, vegetais é tudo o que restou. Isso inclui:

-  culturas de raízes como batatas, cenouras e nabos
-  cebolas e alhos
-  hastes como espargos
-  folhas como alface e repolho
- flores como brócolos e couve-flor

Por outras palavras, coisas que não têm sementes são vegetais. E todo o resto é fruta.